RECONHECIMENTO DO OUTRO PARA O TRABALHO EFETIVO DO ENFERMEIRO DE REABILITAÇÃO: REFERENCIAL DE AXEL HONNETH
PDF
HTML

Palavras-chave

enfermagem de reabilitação
enfermeiras e enfermeiros
reabilitação
modelos teóricos
desejabilidade social

Como Citar

1.
Meireles Pinto DR, Pimenta Lopes Ribeiro OM, Ferreira Pereira Da Silva Martins MM, Dornelles Schoeller S. RECONHECIMENTO DO OUTRO PARA O TRABALHO EFETIVO DO ENFERMEIRO DE REABILITAÇÃO: REFERENCIAL DE AXEL HONNETH. Rev Port Enf Reab [Internet]. 15 de Dezembro de 2020 [citado 23 de Junho de 2021];3(2):20-6. Disponível em: http://rper.aper.pt/index.php/rper/article/view/60

Citações

Dimensions

Resumo

Objetivo: refletir sobre as potencialidades da Teoria do Reconhecimento para a prática profissional dos enfermeiros de reabilitação.

Método: estudo teórico reflexivo fundamentado no referencial de Axel Honneth e nas competências específicas dos enfermeiros de reabilitação.

Resultados: emergiram dois tópicos de análise – o referencial teórico de Axel Honneth; e o contributo do referencial teórico de Axel Honneth para o exercício profissional dos enfermeiros de reabilitação.

Discussão: a sustentação da prática profissional em referenciais teóricos tem vindo a ser profundamente defendida na última década, sendo que neste contexto, Axel Honneth traz um contributo significativo para uma atuação intencional e sistematizada do enfermeiro de reabilitação.

Conclusão: aquando do processo de reabilitação, além da importância do reconhecimento da pessoa, ficou claro que no âmbito da relação terapêutica, o enfermeiro de reabilitação deve atender aos três pilares apresentados por Honneth, amor, direito e solidariedade, de modo a que a pessoa seja respeitada na sua globalidade.

https://doi.org/10.33194/rper.2020.v3.n2.3.5774
PDF
HTML

Referências

World Health Organization. Draft 1: Global strategy and action plan on ageing and health. Geneva: World Health Organization; 2017 [cited 2020 Mar 09]. Available from: https://apps.who.int/iris/bitstream/handle/10665/329960/9789241513500-eng.pdf

Gomes BP. Enfermagem de Reabilitação um Contributo para a satisfação do utente. Porto. Tese [Doutoramento em Ciências da Enfermagem] – Instituto de Ciências Biomédicas Abel Salazar da Universidade do Porto; 2011 [cited 2020 Mar 09]. Available from: https://repositorio-aberto.up.pt/bitstream/10216/7275/2/Tese%20DoutoramentoBarbara.pdf

Portugal. Ordem dos Enfermeiros. Regulamento n.º 392/2019, de 03 de maio de 2019. Regulamento das Competências Específicas do Enfermeiro Especialista em Enfermagem de Reabilitação [Internet]. Diário da República, 2.ª série 03 mai 2019 [cited 2020 Apr 09]; 13565-13568. Availablefrom: https://dre.pt/web/guest/pesquisa/-/search/122216893/details/normal?l=1

Honneth, A. A Luta pelo Reconhecimento. Lisboa: Edições

;2011.

Wernet M, Mello FD, Ayres MCRJ. Recognition in Axel Honneth: Contributions to research in healthcare. Texto Contexto Enferm. [Internet]. 2017 [cited 2020 Apr 29];26( 4):e0550017. Availablefrom: https://www.scielo.br/pdf/tce/v26n4/en_0104-0707-tce-26-04-e0550017.pdf

Maciel RER. A questão do reconhecimento e das patologias sociais segundo Axel Honneth. Revista do Curso de Direito da UNIABEU [Internet]. 2017 [cited 2020 Apr 13];8(1):64-89. Available from: https://revista.uniabeu.edu.br/index.php/rcd/article/view/2804/2000

Saavedra GA, Sobottka EA. Introdução à teoria do reconhecimento de Axel Honneth. Civitas – Revista de Ciências Sociais [Internet]. 2008 [cited 2020 Apr 23];8(1):9-18. Availablefrom: http://revistaseletronicas.pucrs.br/ojs/index.php/civitas/article/view/4319/6864

Miranda L, Rivera FJU, Artmann E. Trabalho em equipe interdisciplinar de saúde como um espaço de reconhecimento: contribuições da teoria de Axel Honneth. Physis: Revista de Saúde Coletiva [Internet]. 2012 [cited 2020 Mar 25];22(4):1563-1583. Available from: https://www.scielo.br/pdf/physis/v22n4/a16v22n4.pdf

Schoeller SD, Martins MM, Ribeiro I, Lima DKS, Padilha MI, Gomes BP. Breve Panorama Mundial da Enfermagem de Reabilitação. Revista Portuguesa de Enfermagem de Reabilitação [Internet]. 2018 [cited 2020 Apr 25];1(1):6-12. Availablefrom: https://www.aper.pt/ficheiros/revista/rperv1n1.pdf

Martins MM, Ribeiro O, Silva, JV. O contributo dos enfermeiros especialistas em enfermagem de reabilitação para a qualidade dos cuidados. Revista Portuguesa de Enfermagem de Reabilitação [Internet]. 2018 [cited 2020 Apr 25];1(1):22-29. Availablefrom: https://www.aper.pt/ficheiros/revista/rperv1n1.pdf

Silva CF, Oliveira FDB, Ribeiro MP, Prazeres VMP, Ribeiro OMPL. Novos desafios para velhos problemas: O enfermeiro Especialista em Enfermagem de Reabilitação na promoção da acessibilidade. Revista Portuguesa de Enfermagem de Reabilitação [Internet]. 2019 [cited 2020 Apr 01];2:20-26. Availablefrom: https://www.aper.pt/ficheiros/revista/RPERv2n2.pdf 12. Portugal. Ministério da Saúde. Regulamento n.º 140/2019, de 6 de fevereiro de 2019 [Internet]. Regulamento das Competências Comuns do Enfermeiro Especialista. Diário da República, 2.ª série 6 fev 2019 [cited 2020 Apr 09]; 4744-4750. Availablefrom: https://www.ordemenfermeiros.pt/media/10778/0474404750.pdf 13. Wei H., Sewell KA, Woody G, Rose MA. The state of the science of nurse work environments in the United States: A systematic review. International Journal of Nursing Sciences [Internet]. 2018 [cited 2020 Feb 25];5:287-300. Available from: https://www.sciencedirect.com/science/article/pii/S2352013218300309

Rosenfield CL, Saavedra GA. Reconhecimento, teoria crítica e sociedade: sobre o desenvolvimento da obra de Axel Honneth e os desafios da sua aplicação no Brasil. Sociologias [Internet]. 2013 [cited 2020 Feb 27];15(33):14-54. Available from:https://www.scielo.br/pdf/soc/v15n33/v15n33a02.pdf

Pereira RSS, Martins MM, Gomes B, Aguilera JAL, Santos J. A intervenção do Enfermeiro de Reabilitação na promoção da acessibilidade. RPER- Revista Portuguesa de Enfermagem de Reabilitação. 2018 [cited 25 Feb 2020]; 2:66-72. Disponível em: https://www.aper.pt/Ficheiros/Revista/RPERV1N2.pdf

Creative Commons License

Este trabalho encontra-se publicado com a Licença Internacional Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0.

Direitos de Autor (c) 2020 Revista Portuguesa de Enfermagem de Reabilitação

Downloads

Não há dados estatísticos.
98 visualizações

ISSN: 2184-3023      Identificadores:   Crossref logo   Crossref logo      Revisores:    

Indexado em: